Lançamento do livro Órfãs de Esperança da francesa Véronique Durand

JPEG

Lançamento do livro Órfãs de Esperança - Violências contra a mulher, alguns relatos no mundo, de Véronique Durand - Editora Cubzac

Dia 28 de novembro de 2016, às 16 horas, no Cinema do Museu da Fundação Joaquin Nabuco – Fundaj de Recife, a Editora Cubzac vai lançar o livro Órfãs de Esperança – Violências contra a mulher, alguns relatos no mundo, da antropóloga francesa, Véronique Durand, com prefácio de Maria da Penha. Debate abrirá o evento com a participação de Véronique Durand, Regina Célia, Vice- Presidente do Instituto Maria da Penha e com a professora de Serviço Social da UFPE, Fátima Lucena.

Em seguida, às 18:30, inicia-se a sessão de autógrafos e coquetel.

Lançamento aberto ao público em geral.

A publicação tem como objetivo comemorar os dez anos da Lei Maria da Penha, que acontece este ano, e ampliar o debate com a sociedade sobre a violência exercida contra a mulher.

O tema é pertinente e oportuno no momento em que este tipo de violência tem, insistentemente, se reproduzido no mundo, no nosso país e cidade.

O livro será lançado pela Cubzac, com a colaboração da Companhia Editora de Pernambuco - Cepe e Consulado geral da França em Recife.Conta também com o apoio institucional da Secretaria da Mulher do Estado de Pernambuco, Instituto Maria da Penha, Tribunal de Justiça de Pernambuco, Ministério Público de Pernambuco e IlêPsi.

Órfãs de Esperança, traz uma abordagem das diversas violências praticadas contra a mulher, com pesquisas desenvolvidas em cinco países - Argélia, Brasil, Bangladesh, Camboja e França.

Sobre a autora:

Véronique Durand nasceu em 1958, na França. Atualmente vive em Brasília com seus dois filhos. É doutora em Antropologia pela Sorbonne Nouvelle, mestre em Literatura e Cultura Comparada, mestre em Etnologia. Professora, pesquisadora internacional e militante. Começou a atender mulheres migrantes em Rennes, quando era estudante. Seu trabalho é voltado para a reflexão e atuação sobre relações de gênero, desigualdade, violência, e a busca para encontrar mulheres em situação de violência em diferentes países, propondo ações para melhorar a realidade.

publicado em 24/11/2016

Topo de página